23 dezembro 2002
posted by Paulo Vivan at 11:45 PM

Bem, queridos leitores, este é o meu último post do ano. Então, antes de eu ir viajar, deixo vocês com um cartãozinho de boas festas que eu mesmo fiz, no bom estilo ChickenDog.

 
20 dezembro 2002
posted by Paulo Vivan at 12:36 AM

Pois é... Estou de férias... Então, tiro o dia pra não fazer nada... Fazer o que?

Fui dar um rolê na rua e começo a perceber uma pequena aglomeração na rua... E uns dois caras apontam pra mim. Não passam nem cinco segundo pra vir a primeira pedrada. E a segunda. Terceira. Logo, estou numa chuva de pedras. Saio correndo, e, os meus apredejadores (se é que isso é uma palavra real) me seguem, gritando.
Eles me alcançam em menos de um quarteirão. Dois caras, cada um segurando um dos meus braços, me encostam na parede. Chega uma garota, que parece ser a líder dessa pequena multidão e diz:
- Levem ele pra aquele beco.
- Beco? Sabe, não tem "beco" em São Paulo. A arquitetura dominante na cidade é parede com parede, logo...
Logo, eu levo um safanão na cabeça - sinal bem claro de "cale a sua boca".
E a senhorita, muito nervosinha, me diz delicadamente:
- Pede desculpa, filho da puta!
- Olha só, rimou.
Mais um daqueles safanões. Delícia.
- Pede desculpa! Quem você pensa que nós somos, hein?
- Não sei. Piratas?
Safanão. Já estou me acostumando com isso nesse ponto.
- Ok, essa foi fraca.
- Eu sei, desculpe.
- Não quero desculpa disso. Quero que você peça desculpas por ter abandonado o seu blog.
- O que? Olha, eu não abandonei, é que eu estava trampando demais e...
- Pede desculpa!!!!
- Tá bom, tá bom, desculpa...
- Agora vai escrever, senão vamos te inscrever no mailing list do fã-clube do Belo.
- Não, não, tudo menos isso! Mas, antes de você ir embora, qual é o seu nome, mocinha?
- Suzane.
- Ei, você não estava presa?