12 dezembro 2001
posted by Paulo Vivan at 3:54 PM

BUSÕES

Ando sem muita imaginação ultimamente... Sei lá, fim de ano, compras de natal, período pré férias... Enfim...
Vou falar de busão. É. O bom e velho. Aquele que te levou pra escola e pro Playcenter quando você era moleque. Mas o que é a magia do busão sem as pessoas que nele habitam ou transitam?

Parte 1 - O BUSÃO DE VIAGEM

Você indo pra praia ou pro interior, de busão. Tudo porque te convidaram, mas não tinha lugar no carro. Tá certo. Você se considera um ser sociável e vai pra rodoviária. Pega aquele busão com ar, tv e rodomoça. Senta na janela. Uma maravilha. Você nem lembra dos seus amigos que estão indo de carro. Até que senta alguém do seu lado.
Aquelas pessoas que te perguntam onde você vai e aí te contam a vida deles. Tem gente que não tem lugar pra ir, então fica nos ônibus ou rodoviárias até serem expulsos. Uma garota me disse: "Ah, eu moro com a minha mãe, mas não posso ficar muito tempo porque ela é doente mental."
Se você der sorte, pega aquele pessoal que não toma banho e você é forçado a respirar pela boca pelo resto da viagem.
Uma vez sentou do meu lado uma garota de 17 anos, com um criança de colo. Ela disse que tinha sido expulsa de casa por causa da criança. O sonho dela era reencontrar o pai da criança da maneira mais bizarra: queria virar cantora pra mostrar pro rapaz onde é que ela estava e então o cara ia voltar pra ela. Ela me cantou a música Eu me dou bem com os animais na íntegra. A música falava sobre como os animais tratavam ela melhor que os homens. Depois disso fingi que dormi, pra não ter que ouvir o resto da história.
 
07 dezembro 2001
posted by Paulo Vivan at 3:44 PM

SACANAGEM

Se uma pessoa te pára na rua, te pede dinheiro, te chama de bobo, te sacaneia e te conhece; só pode ser um amigo. Mas, e que isso sirva de lição: não pense que você é igual a eles, pois, se você está sendo sacaneado por esses sacanas, não pode estar sacanear também, certo?
Então que comece o diálogo:
- Você está me sacaneando?
- Se eu estivesse te sacaneando, você saberia.
- Não, não, não... Muito ruim. Vcoê deveria ter uma resposta melhor preparada pra essas ocasiões. Do tipo de ameaça, algo que intimide, entende?
- Hum... Deixa eu tentar. Se eu estivesse te sacaneando, você não estaria vivo agora.
- Horrível. Se eu estivesse morto, você já teria me sacaneado, e não estaria me sacaneando.
- Eu quero sacanear você, certo?
- Sim. Se eu estivesse sacaneando você, você saberia que está sendo sacaneado?